27-06-2017 17:15

Escola de Música se destaca com eventos e Orquestra Popular



Visibilidade é uma das palavras que melhor traduz o trabalho realizado na Escola Municipal de Música Maestro Elias Porfírio de Azevedo na atual gestão. A instituição,criada em 1992, é vinculada administrativamente à Fundação Cultural Calmon Barreto. São 36 profissionais que oferecem a didática necessária para dar voz, ritmo e melodia aos sonhos e projetos dos 450 alunos matriculados.

O aumento na quantidade de apresentações e participações em eventos ganhou força com a implantação da Orquestra Popular de Araxá, a partir do primeiro bimestre. O resultado é a crescente procura pelos mais de 20 cursos oferecidos e dos projetos já encaminhados para o segundo semestre.

A diretora, Cristiane Borges Santos, atribui o destaque obtido pela Escola Municipal de Música ao grupo de músicos profissionais que se adapta a atender a comunidade e ao comprometimento da gestão municipal em difundir os talentos locais por vários palcos.

“De três anos pra cá temos feito muitas participações em quase todos os eventos da cidade, sem contar participações em eventos de prefeituras vizinhas. A escola tem ganhado visibilidade pelo profissionalismo da equipe e por estarmos cada vez mais nos adaptando à realidade para atendermos a comunidade. Todos os professores que dão aula na escola são formados, vários tem muitos anos e experiência enquanto músicos, e cada um tem seu método de ensino supervisionado por um grupo”, afirmou a diretora.

Na medida em que o calendário de eventos é preenchido cresce a espera por vagas na instituição de ensino. A diretora comenta a valia do papel educacional e cultural desenvolvido junto à população e a necessidade de expansão. “A escola é muito importante para a comunidade, porque além de ensinar música é um instrumento importantíssimo no processo de educação. Trabalhamos desde a musicalização até terapia. A procura é constante. Dependemos da ampliação do espaço físico para comportar a grande demanda”, acrescentou.

Para o segundo semestre, a diretora adiantou que está previsto o lançamento do primeiro DVD e CD totalmente criado pelos professores da instituição com base em um novo Musical Infantil. O calendário de variadas apresentações da escola já tem “A Noite dos Alunos”, “A Noite das Crianças” e a “Semana da Música”, com datas a definir para o segundo semestre deste ano.

A Escola de Música oferece atualmente, na modalidade livre, os cursos de violão clássico e popular; guitarra; piano; teclado; viola caipira; violino; canto popular e erudito; bateria; percussão; flautas; sax; clarinete e musicalização infantil. Há também a formação técnica de violão clássico e popular, flauta doce e transversal, sax e piano.

Orquestra Popular

Criada e preservada pela Escola Municipal de Música, a OPA - Orquestra Popular de Araxá é composta por aproximadamente 40 músicos moradores da cidade, sendo um dos principais fatores da propagação musical. Cordas, violinos, violas, violões, cellos, flautas, clarinetes, oboés, metais, trombones, trompetes, xilofone, percussão, sax, teclados, guitarras e outros se misturam sob a regência do maestro Robson Dias – regente em grupos vocais desde 1998 e especializado em regência orquestral desde 2006.

O trabalho com a Orquestra Popular de Araxá foi iniciado em fevereiro deste ano. A estreia ocorreu em maio, no palco do Teatro Municipal durante a “Noite do Cinema”, realizada em parceria com o Serviço Social do Comércio (Sesc). O músico destaca a relevância deste trabalho.

“A orquestra é um grande estímulo para que o aluno avance em seus estudos, pois observando colegas com maior desenvolvimento procura se aprimorar para fazer jus à oportunidade de tocar em um agrupamento tão seleto. Como a orquestra é aberta a todo cidadão araxaense que tem interesse em participar do trabalho, ela agrega valores a praxis musical do município oferecendo oportunidades e acesso amplo a manifestações culturais”, analisou o maestro.

Robson Dias adianta que o grupo realizará, entre os meses de setembro e outubro, um espetáculo com releitura de canções dos Beatles. Na agenda do segundo semestre, consta ainda a “Cantata de Natal” e participações em parceria, como a Noite do Rock, concertos didáticos, entre outros.

Reverência e resgate a memoráveis momentos de época

A residência onde viveu o maestro, cantor, compositor, instrumentista e arranjador Elias Porfírio de Azevedo, (1881-1965) abriga o Memorial de Araxá. O casarão situado na Avenida Antônio Carlos, na região central da cidade, ganhará em breve nova utilização graças aos esforços da Fundação Cultural Calmon Barreto e da Escola Municipal de Música: será o ponto de ensaios e apresentações especiais da Orquestra Popular de Araxá.

“Além de realizarmos regularmente nossos ensaios, estaremos realizando, esporadicamente, algumas apresentações voltadas para a praça nas janelas do casarão, revivendo assim um passado onde o maestro Elias juntamente com seus cinco filhos músicos executavam obras musicais enchendo a praça central de música e encantando a comunidade local”, concluiu o maestro.
 

Galeria de imagens - 1 até 8 de 8


Contribuinte
Nota Fiscal
Portal da Transparência
Parceria com o Terceiro Setor
Rotas
Webmail
PPA-LDO-LOA
Turista
Licitações
Ouvidoria
Diário Oficial
Contra Cheque
Junta Militar
Banco de Dados
Concursos
Processo seletivo educação
IPTU
Editais
ASTTRAN - Autuações e Penalidades